A última crônica de Drummond

Atualizado: Set 4


Carlos Drummond de Andrade é considerado um dos maiores nomes da literatura brasileira. Produziu poemas, contos, e principalmente, crônicas que fizeram dele um escritor grandioso durante o século XX. Dentre suas obras mais conhecidas estão “Confidência do Itabirano”, “Sentimento do Mundo“ (1940), “A Rosa do povo” (1945) e “Claro Enigma” (1951). Além disso, pouco tempo antes de sua morte, Drummond escreveu sua última crônica que ficou conhecida como “Ciao” que, do italiano, pode ser traduzido por “olá” ou “tchau”, ficando a critério do leitor.


Em sua última crônica, o autor relembra fatos marcantes e conta uma história em terceira pessoa até percebermos que a personagem principal é o próprio autor. Drummond escreve sobre a arte de fazer crônicas e se despede de seus leitores usando a “palavra-tudo” gratidão. É um texto belíssimo.

Para ler a última crônica de Carlos Drummond de Andrade, acesse aqui.

A crônica “Ciao” foi divulgada pelo site educacional Sítio de Português, plataforma que oferece conteúdos de gramática, redação, literatura e diversas outras disciplinas. É um site que tem como objetivo transmitir diferentes conteúdos e auxiliar o estudo dos indivíduos. Para acessá-lo, clique aqui.


. . .


Literatura acessível é um projeto da Odisseia Consultoria que tem como objetivo contribuir para a ampliação do alcance da literatura no Brasil, assim como a disseminação da produção literária de autores e autoras em todo o país. Para tanto, todas as sextas-feiras, a Odisseia divulga textos literários disponíveis na internet para acesso gratuito. Porque nem sempre é possível adquirir material literário por meios convencionais, mas não deveria ser necessário ter dinheiro para poder apreciar literatura. É um passo pequeno, mas é um começo. Se inscreva no nosso blog e faça parte dessa iniciativa!

Odisseia - consultoria literária e linguística

Rua Sérgio Buarque de Holanda, 571 Campinas, SP