Cordel nordestino

O cordel nordestino é um tipo de literatura popular muito comum no Brasil. Os textos rimados de cordéis são impressos em folhetos, pendurados em varais, vendidos em feira e recitados em voz alta. Esse tipo de texto traz como temática personagens locais, lendas folclóricas, a dura realidade dos brasileiros e questões sociais no geral.


Para esse post, selecionamos o cordel “O poeta da roça”, escrito por Antônio Gonçalves da Silva (desenho xilografado acima, retirado do site Cultura Genial). Também conhecido como Patativa do Assaré, o autor nasceu no sertão do Ceará, em 1909. Por ser filho de camponeses, Assaré sempre trabalhou na terra, e por conta das dificuldades enfrentadas, estudou poucos anos na escola. Aos 12 anos de idade, ele começou a escrever cordéis e, por mais que tivesse ganhado reconhecimento literário com o passar dos anos, ele ainda continuou trabalhando na terra. O poema de sua autoria retrata o modo de vida dos camponeses, principalmente os nordestinos, e faz um paralelo com a realidade de diversos brasileiros. O cordel possui uma linguagem comum de trabalhadores rurais, e por isso, confere maior naturalidade e proximidade da realidade.

Para ler o cordel “O poeta da roça”, acesse aqui.

O cordel foi disponibilizado pelo site Cultura Genial. A plataforma possui diferentes interpretações e pontos de vista acerca de arte. Há conteúdos sobre literatura, poesia, música, livros, artes visuais, cinema e pintura. É um espaço rico em diversidade cultural. Para saber mais, acesse aqui.

. . .

Literatura acessível é um projeto da Odisseia Consultoria que tem como objetivo contribuir para a ampliação do alcance da literatura no Brasil, assim como a disseminação da produção literária de autores e autoras em todo o país. Para tanto, todas as sextas-feiras, a Odisseia divulga textos literários disponíveis na internet para acesso gratuito. Porque nem sempre é possível adquirir material literário por meios convencionais, mas não deveria ser necessário ter dinheiro para poder apreciar literatura. É um passo pequeno, mas é um começo. Se inscreva no nosso blog e faça parte dessa iniciativa!

Odisseia - consultoria literária e linguística

Rua Sérgio Buarque de Holanda, 571 Campinas, SP