Letras



O curso “Letras” será o tema do post educacional de hoje, o último da série de Apresentação dos Cursos das nossas sereias!


O Instituto de Estudos da Linguagem, da Unicamp, reúne três cursos: Estudos Literários, Linguística e Letras. Para saber mais sobre eles, clique aqui.


Letras é o único curso de licenciatura do IEL, voltado para a formação de professores de Língua Portuguesa - sendo assim, o estudante tem contato com a Literatura e com a Linguística, além de questões como a aquisição da linguagem e a aplicação dela em vários momentos do cotidiano, até mesmo a relação dela com a tecnologia. É um curso oferecido em período integral, com tempo de conclusão sugerido de quatro anos.


Mas afinal, o que ele tem de diferente? Vamos esclarecer algumas questões importantes!

Licenciatura

Por ser um curso de licenciatura, depois de formado, o estudante está apto para dar aula no Ensino Fundamental II e Ensino Médio. É muito importante ressaltar que ele não está apto para alfabetizar - esse é o trabalho do pedagogo. O professor de Educação Infantil e Ensino Fundamental I vai trabalhar aspectos da leitura, mas sob uma outra ótica, a da pedagogia. O professor de Português vai ser bem mais específico e direcionado, quando se trata da leitura, avançando após essa formação inicial.


Formação de professor

Já falamos aqui no blog sobre a valorização do professor e da educação. Independentemente da área, o professor estuda muito para entender como poderá impactar a vida de tantas pessoas com conhecimento. A formação do professor é essencial nessa caminhada. No IEL, o estudante de Letras tem uma grade curricular que inclui horas de estágio nas três áreas (Literatura, Linguística e Linguística Aplicada), além de horas/aula na Faculdade de Educação - que também tem o seu estágio. Ter experiência em sala de aula, tanto como aluno, quanto como professor é essencial para que o estudante adquira confiança para passar para frente todo conhecimento adquirido nos seus anos de estudo.


Linguística Aplicada?

Dizer que é simplesmente o conteúdo da Linguística aplicado no dia a dia é uma certa generalização. A Linguística toma conta de vários aspectos formais da língua, como a definir, como a entender enquanto sistema. Por outro lado, existem certos dilemas que ela não inclui no seu campo de estudo - e é aí que entra a Linguística Aplicada. Ela problematiza diversas questões acerca do uso da língua cotidiana, como o aprendizado de língua estrangeira, o impacto da tecnologia em cima dos falantes, questões acerca da leitura e escrita em língua materna e, é claro, o ensino. Todas as práticas com a língua são entendidas dentro dela. Esse campo é obrigatoriamente uma parada dos alunos de Letras.


Aqui acaba a nossa série de apresentação de cursos do IEL! Fiquem atentos para as próximas novidades!

Odisseia - consultoria literária e linguística

Rua Sérgio Buarque de Holanda, 571 Campinas, SP